4 Lições de um dos maiores empreendedores que o Brasil já teve

4 Lições de um dos maiores empreendedores que o Brasil já teve

E aí galera, beleza? Nesse vídeo, eu compartilho 4 lições extraídas do início da jornada empreendedora de UM DOS MAIORES EMPREENDEDORES BRASILEIROS: Rolim Adolfo Amaro, ou Comandante Rolim como ele era conhecido.

O Comandante Rolim, também é bastante conhecido por ter presidido a TAM por muitos anos, e mesmo sem intenção, nos ensinou coisas incríveis sobre o empreendedorismo e como enfrentar as adversidades perante aos infinitos “nãos” que ouvimos.

As 4 lições que trago nesse vídeo vieram lá da década de 1960, quando ele era apenas um jovem piloto de 20 e poucos anos tentando ganhar a vida em Goiás. Apesar de fazer décadas que isso aconteceu, os aprendizados são para a vida toda!

 

TRANSCRIÇÃO

Sejam todos bem-vindos ao canal do Validation Rocket! Aqui nesse canal, eu Dan Lopes compartilho com vocês dicas, casos, aprendizados e uma série de outras coisas sobre empreendedorismo e inovação, mais exclusivamente sobre empreendedorismo e inovação.

Eu vou sempre trazer para vocês coisas diferentes, coisas novas e análises criteriosas que eu e a minha equipe fazemos sobre tudo que tem por aí a respeito de Startup, de tecnologia, mas sempre tangibilizando isso para te ajudar a empreender ou a inovar dentro da sua empresa.

O vídeo de hoje é para falar com vocês sobre um cara chamado Adolfo. Esse cara é simplesmente um dos maiores empreendedores, foi um dos maiores empreendedores que nós já tivemos aqui no Brasil. Esse cara acabou caindo no esquecimento já tem alguns anos, porque, primeiro que ele morreu em 2001, e por que ele não era um cara digamos … de Startup, de tecnologia e inovação etc. Mas esse cara se tornou sim um dos maiores empreendedores. Ele é sim lembrado até hoje para aqueles que estudam em profundidade empreendedorismo e inovação. Esse cara que eu acabei de dizer para vocês, o Adolfo, talvez não tenha soado o sino aí na cabeça, mas o Adolfo na verdade é o nome do meio de um cara chamado Rolim Adolfo Amaro. Ele foi o presidente da TAM durante muitos anos. Ele não fundou a TAM, ao contrário do que a maioria imagina, ele colocou a TAM onde ela tá hoje. Só que esse vídeo não é para falar do Rolim como presidente da TAM, isso aí se vocês quiserem eu compartilho em outro vídeo. Deixa um comentário se vocês querem saber da história dele como presidente da TAM.

Esse vídeo é especificamente para falar da jornada empreendedora desse cara quando ele tinha lá seus 23 e 24 anos. Ele é lá de Marília, lá do interior de São Paulo. Ele largou tudo e foi com a família para o interior de Goiás oferecer um serviço de táxi aéreo. Ele já era piloto naquela época para os fazendeiros de Goiás. Para você que não tá antenado e não sabe exatamente o que acontecia lá na década de 60, esse vídeo é para explicar exatamente sobre isso!

Na década de 60 esses fazendeiros lá de Goiás de grandes terras, contratavam uma empresa de táxi aéreo de São Paulo para fazer a inspeção das grandes áreas dos terrenos que eles tinham lá, para saber se tá tudo bem, se não tá rolando invasão etc. Esse serviço era extremamente caro, porque vinha de lá de São Paulo para Goiás e não tinha disponível no Estado de Goiás. Então eles precisavam importar lá de São Paulo para acontecer. O Rolim, já com a sacada empreendedora muito jovem, mas muito boa que era quando ele tinha lá seus 23 e 24 anos, colocou um táxi aéreo para funcionar no Estado de Goiás. Ele comprou um aviãozinho, um Cessna, e começou a oferecer isso. E aí você pensa, que sacada sensacional, oferecer um serviço localmente muito mais barato do que o pessoal de São Paulo. Mas aí você se pergunta, deu certo? Obvio que não deu certo.

Aí você fala: como assim não deu certo? O cara tava oferecendo um produto, um tipo de serviço, uma solução que o pessoal de São Paulo oferecia muito mais caro, ele tá oferecendo muito mais barato! E é exatamente aí que tá a primeira lição que eu queria compartilhar com você nesse vídeo. Primeiro: Não é porque você oferece alguma coisa mais barata que o cliente vai querer. Existe uma série de outros pontos que a gente precisa avaliar para saber se a solução, se o negócio vai dar certo ou não. O Rolim avaliou o ponto de vista de mercado…beleza ótimo, não tem essa solução aqui em Goiás, vou oferecer alguma coisa mais barata…só que ele esqueceu de olhar dois fatores importantes para aqueles fazendeiros. Primeiro fator, talvez o mais transparente de todos …Ótimo vou oferecer mais barato, mas quem é você? Que empresa é a sua? Que garantia o senhor me oferece? Então primeiro…Ele era piloto, ele tinha um avião, prestava aquele serviço de inspeção de grandes áreas territoriais, só que ele não tinha credibilidade. As pessoas não conheciam ele. Então você fica ansioso. Tudo que é novo gera desconforto. E para os fazendeiros da década de 60…1960! Era tudo muito novo, então não dava. Tudo muito conservador, não dava para arriscar.

Um outro ponto sobre esse serviço que não estava emplacando, lá na década de 60 oferecido pelo Rolim de táxi aéreo, era o fato que não dava status. Eu vou comprar uma coisa mais barata, de uma pessoa que não tem nome, que tá aqui na nossa cidade, que tá aqui na nossa região… isso não dá status. Querendo ou não, isso é importante. Isso vem da leitura do cliente. Não importa o que você acha, o que eu acho. Importa o que os clientes acham, o que eles querem, o que eles percebem. E nessa situação, o Rolim não tinha nome, não tinha credibilidade e não passava status, porque era uma coisa muito mais barata e sem nome. Mas aí, qual é a grande sacada e a segunda lição dessa trajetória de empreendedor do Rolim, muito antes de ser presidente da TAM: Ele não desistiu! Então essa é a segunda lição…você vai receber muito não. eu recebi muito não e continuo recebendo. Mas a grande sacada é não desistir. Ele não desistiu, ficou lá. A gente tem que tirar coelho atrás de coelho da cartola, para que a gente consiga seguir adiante dessa jornada.

E foi isso que ele fez, nessas negativas que ele recebeu, ele pensou…vou lá, vou comprar rádios intercomunicadores, vou distribuir para esses fazendeiros todos que não querem comprar meu serviço, vou conectar todos esses rádios na mesma frequência para que todo mundo pudesse se ouvir, ouvir o que um ou outro estavam falando, e dizendo para esses caras: olha aqui fazendeiros, se vocês quiserem meu serviço, pega, me manda uma mensagem aqui de voz no intercomunicador, walktalk da vida, que eu vou atender e vou lá prestar esse serviço. E assim, o primeiro foi lá e se interessou, o segundo, o terceiro, até que todos eles estavam se ouvindo e todos eles acabaram começando a contratar o serviço para ver como funcionava. E obviamente esses fazendeiros eram muito espertos, começaram a negociar o preço com o Rolim. E aí que vem um terceiro ponto que é superimportante de compartilhar…o cara não desistiu, que eu já tinha falado …Outro ponto é: ele usou e abusou da criatividade, da genialidade que ele como empreendedor tinha, para sacar da cartola vários coelhos e conseguiu mostrar que a solução Sim era boa, era mais barata e ele teria condições de oferecer esse tipo de serviço, então é uma jornada genial!

E não para por aí. Existe uma outra quarta lição que eu queria compartilhar com você nesse vídeo, que é especificamente sobre quando a gente se apaixona por uma ideia. Óbvio, naquele momento o Rolim estava oferecendo um trabalho, uma prestação de serviço para monitorar as grandes áreas né, fazer as inspeções e gerar relatórios. Mostrar os caras o que tava acontecendo e o que não tava acontecendo com as fazendas deles, nas bordas das fazendas, nos limites. E um outro ponto é que ele não se apaixonou por essa ideia, se ele tivesse se apaixonada por essa ideia, ele teria deixado de aproveitar uma oportunidade muito maior, que foi o que o encaminhou ele de volta para a TAM.

A TAM já existia. Ele foi lá, um pouquinho depois, mais ou menos em 1971, e comprou parte da TAM, e aí sim começo a história dele na TAM. Voltou a ser o que era ou o que a gente conhece hoje. O que na verdade aconteceu foi: Ele identificou que muitos fazendeiros tinham aeronaves e gastavam rios de dinheiro para fazer as manutenções, colocar o combustível…só que a finalidade dessas aeronaves era para transportar parentes, para transportar pessoas e eles próprios para cima e para baixo. E o que o Rolim imediatamente pensou… eu vou começar a oferecer serviço de táxi aéreo para essas pessoas! Então ele propôs para vários fazendeiros de comprar ou recomprar deles as aeronaves, e então devolver como prestação de serviço, fazer esse pagamento como prestação de serviço. E os fazendeiros também que não são bobos nem nada, entendeu que era muito mais barato e toparam imediatamente. então por ele não ter se apaixonado e achar que era só fazer um serviço de inspeção territorial, ele identificou uma segunda oportunidade, uma segunda oportunidade que era muito maior do que o que ele havia projetado lá das inspeções territoriais, e se tornou, chegou ao patamar de um dos maiores empreendedores que o Brasil já teve.

Então, é extraordinário a gente estudar o passado, mesmo que tenha acontecido lá em 1960. E entender exatamente como aconteceu, para a gente não repetir erros e para a gente aprender com esses caras que fizeram diferente, mesmo não sendo necessariamente do nosso setor, do nosso segmento.

Se você gostou desse vídeo, comenta aqui, dá um like ou manda mensagem!

Aqui na descrição eu deixo mais uma série de links para que vocês possam curtir e compartilhar outros conteúdos. Comentem comigo o que vocês acharam e se você tem interesse em que a gente traga outro tipo de conteúdo ou mais conteúdo a respeito de inspirações de casos de sucesso.

Manda mensagem, manda e-mail, que a gente vai estar à disposição aqui para atendê-los sempre que possível. Conte conosco e bons negócios!

Assine o Canal do YouTube e saiba como empreender e inovar sem sofrimentohttps://bit.ly/2GgdiV7 Cadastre o seu e-mail e receba conteúdos quentíssimoshttps://bit.ly/32t3MaC Baixe nossos materiais exclusivos e de graçahttps://bit.ly/2VY4eOx Pra mais dicas de empreendedorismo e inovação acessehttps://bit.ly/2GgdiV7 Dicas em textoshttps://www.validationrocket.com/blog

Quer empreender e inovar e não consegue sair do lugar?! Conheça a metodologia revolucionária Validation Rocket, o passo-a-passo definitivo para você conquistar o estilo de vida que sempre desejou através do empreendedorismo e da inovação.

Baixe gratuitamente no link a seguir o KIT VR, que contem exatamente o que você precisa para começar agora mesmo. Download do KIT VR: https://bit.ly/2VY4eOx

Acompanhe novos conteúdos em: – YouTube: https://bit.ly/2GgdiV7 – Instagram: https://www.instagram.com/dantelopesoficial/ – Facebook: https://www.facebook.com/danlopesvr – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/dante-lopes-669a7835/ – Blog: https://www.validationrocket.com/blog

Tem mais dúvida? Comente aqui ou mande e-mail! Dúvidas/Comercial: contato@validationrocket.com